O Instituto Trata Brasil, em busca da universalização do acesso à coleta e ao tratamento de esgoto, retrata em seu vídeo institucional, a realidade da situação vivida por comunidades, das principais capitais brasileiras, sem acesso ao saneamento básico.

Com narração do jornalista Adalberto Piotto, o vídeo, além de mostrar o trabalho realizado nestas comunidades em parceria da Pastoral da Criança, reproduz depoimentos feitos pelos embaixadores da entidade. Dentre os depoimentos, estão o do Dr. Artur Timerman, médico infectologista, da Dra. Zilda Arns, fundadora e coordenadora nacional da Pastoral da Criança, dos atletas Daiane dos Santos e Giovane Gávio e dos atores Giovanna Antonelli e Wagner Moura.

As imagens que constam no vídeo institucional do Trata Brasil foram captadas em comunidades do Rio Grande do Sul (Vila Dique), em São Paulo (Carapicuíba) e no Rio de Janeiro ( Batan/Realengo).

Acompanhe o ranking de cobertura de rede esgoto por Estados brasileiros. Os dados foram apurados pela Fundação Getúlio Vargas (FVG) a pedido do Instituto Trata Brasil.

Estado 1992 2006
São Paulo 75.93 84.24
Distrito Federal 73.26 79.85
Minas Gerais 55.44 73.43
Rio de Janeiro 52.07 60.24
Espírito Santo 39.92 55.33
Paraná 18.89 46.34
Bahia 14.98 38.50
Pernambuco 19.22 36.27
Paraíba 18.39 31.94
Goiás 27.75 31.50
Sergipe 19.89 31.00
Acre 24.69 28.31
Ceará 4.83 23.16
Roraima 0.66 17.43
Rio Grande do Norte 10.21 16.52
Rio Grande do Sul 12.25 14.77
Mato Grosso 13.21 12.43
Mato Grosso do Sul 4.55 11.78
Santa Catarina 6.13 10.54
Maranhão 7.45 9.44
Tocantins 0.00 9.14
Alagoas 6.51 7.60
Amazonas 16.41 3.97
Pará 1.96 3.95
Piauí 0.00 3.25
Rondônia 1.09 3.11
Amapá 1.30 1.42

Fonte: CPS/IBRE/FGV processando os microdados da PNAD/IBGE. Valores percentuais.

Anúncios