img-ranking-2013– Quinquagésima oitava (58ª) – é a posição do município Mogi das Cruzes no Ranking de Saneamento Básico, divulgado pelo Instituto Trata Brasil no dia 1 de outubro de 2013.

Com população de aproximadamente quatrocentos mil habitantes, Mogi das Cruzes foi classificada como a 5ª pior cidade de São Paulo em saneamento básico.  Em entrevista para o Jornal 120 minutos da rádio SP-RJ FM, o presidente do Instituto Trata Brasil, Édison Carlos, salientou os motivos desse resultado.

“Mogi, pelos números de 2011 tratava apenas 16% de seus esgotos, ou seja, 84% dos esgotos da cidade acabavam na natureza sem tratamento. Além disso, Mogi tem valores muito altos de perdas de água. Em termos financeiros, 60% de água que a empresa de água e esgotos envia, não consegue cobrar. Esse percentual faz com que o dinheiro para poder fazer as novas redes de água ou estação de tratamento demore mais tempo para chegar. Esses são os indicadores que Mogi precisa avançar e que derrubam a cidade na classificação geral”, explanou.

Anúncios